Hospital Copa Star de Jorge Moll é referência em atendimento de luxo

Localizado em Copacabana, o Hospital Copa Star faz parte da Rede D’Or São Luiz, criada pelo cardiologista Jorge Moll. Com um conceito que se baseia em um atendimento diferenciado e de luxo, o hospital pode ser descrito como parecido com um hotel cinco estrelas, tendo em vista que todo o seu planejando foi feito pensando em como oferecer aos pacientes uma estrutura única e incomparável.

O conceito do Copa Star segue o padrão dos hospitais D’Or São Luiz, de Jorge Moll, cujo objetivo é levar para todo o país um nível de excelência na área da saúde. Entre as características da estrutura interna do local, é possível citar corredores que se parecem com galerias de arte, incluindo mais de 200 obras do artista Yutaka, além de um formato onde o trânsito de enfermeiros e macas é feito em uma área anexa, com o intuito de não lotar os corredores do local.

Com uma área total de aproximadamente 21 mil metros quadrados, o espaço interno do Copa Star de Jorge Moll foi projetado nos mínimos detalhes, desde o saguão de entrada refinado e moderno, até o conceito decorativo escolhido para os quartos e demais ambientes, que fazem desse hospital algo completamente diferente dos hospitais tradicionais do Brasil.

Além disso, no Copa Star os pacientes não precisam se preocupar com odores inconvenientes e comuns em hospitais, como o odor do éter, pois o local faz uso de aromas especiais que combinam notas cítricas e amadeiradas, com o intuito de deixar o cheiro dos ambientes mais confortáveis.

Já em relação a iluminação, esta foi escolhida para ser natural e aconchegante, o oposto das luzes fortes e invasivas que ainda fazem parte da grande maioria dos hospitais. Em termos gastronômicos, o local também não deixa a desejar pois conta com um restaurante próprio liderado por um famoso chef conceituado. Com toda essa estrutura, o hospital da Rede D’Or São Luiz de Jorge Moll teve um orçamento de mais de R$ 400 milhões, tendo iniciado as suas obras no ano de 2013.

A partir de agora, a Rede D’Or São Luiz tem o objetivo de expandir esse modelo de hospital de luxo e levá-lo para outras capitais do país futuramente. Para os próximos anos, a rede já planeja inaugurar unidades nas cidades de São Paulo e Brasília. Nesse meio tempo, o Hospital Copa Star tem sido frequentemente escolhido como alternativa para os pacientes de São Paulo, que realizam a ponte área entre a cidade e o Rio de Janeiro para frequentar o local.

A escolha de trazer um hospital desse porte para o Rio de Janeiro foi pensada devido a carência da cidade em hospitais como o Copa Star, ao tempo que em São Paulo já existem opções como o Albert Einstein e o Sírio-Libanês.

Atualmente, o Copa Star de Jorge Moll emprega cerca de 550 profissionais da área da saúde, desde assistentes e profissionais de apoio até enfermeiros e mais de cem médicos. Com instalações e instrumentos que estão entre os mais avançados da atualidade, o local tem capacidade para receber cirurgias do mais alto grau de dificuldade, nas áreas da neurologia e cardiologia, nas quais já é considerado como uma das principais referências do Brasil.